carregando

Projeto em fase experimental - atualizações diárias
de dados executadas durante os próximos dois meses.

Metodologia, definições e considerações gerais

A equipe de pesquisa do Projeto Donos da Mídia desenvolveu uma metodologia para realizar o cruzamento dos dados disponibilizados pelas diversas fontes de informação existentes sobre o assunto no Brasil. Ao mesmo tempo, pesquisadores trabalharam de forma quase artesanal para desfazer discrepâncias que cada base de dados apresentava em comparação às outras e produzir os relacionamentos entre redes e grupos afiliados.

Conheça abaixo as definições, fontes e critérios que nortearam o trabalho e as ressalvas sobre algumas das informações oferecidas:

Definições utilizadas

  1. Rede - Conjunto de emissoras de rádio ou de TV que transmitem, de forma simultânea ou não, uma mesma programação gerada a partir de uma ou mais estações principais (cabeças-de-rede). Redes nacionais são aquelas presentes em mais de duas unidades da federação. Redes regionais são aquelas presentes em até dois estados. Não são considerados redes de TV, os canais que operam exclusivamente nos serviços de TV por assinatura.
  2. Grupo - Conjunto de duas ou mais empresas controladas por uma mesma entidade empresarial ou governamental. Pode ter atuação nacional, no caso daqueles que controlam redes de TV ou de rádio, ou regional, para aqueles que atuam em até dois estados.
  3. Veículo - Todo e qualquer meio de comunicação individual que opere em qualquer suporte. Pode integrar ou não um grupo ou uma rede.
  4. Independente - Grupos ou veículos não afiliados a uma rede de TV ou de rádio.

Fontes de informação

A) Primárias oficiais

  1. Sistema de Controle de Radiodifusão (SRD/Anatel)
  2. Sistema de Acompanhamento de Controle Societário (Siacco/Anatel)
  3. Pesquisa Nacional por Amostragem de Domicílios (PNAD/IBGE)
  4. Censo Demográfico 2000 (IBGE)
  5. Sistema IBGE de Recuperação Autromática (Sidra/IBGE)
  6. Tribunal Superior Eleitoral (TSE)

B) Primárias privadas

  1. Atlas de cobertura das redes de TV (fornecidos pelas empresas)
  2. Sítios das empresas e grupos de comunicação
  3. Anuário de Mìdia Meio & Mensagem

C) Secundárias

  1. Sítios da Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e TV (Abert) e de suas associadas estaduais
  2. Sítio da Associação Nacional dos Jornais (ANJ)
  3. Sítio da Associação Brasileira de Emissoras Públicas, Educativas e Culturais (Abepec)
  4. Sítio da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República

D) Terciárias

  1. Wikipédia
  2. Serviço de Acompanhamento Automático de Proposições da Câmara dos Deputados
  3. Lyngsat
  4. Trabalhos acadêmicos

Siglas

TV - Geradora de serviço de radiodifusão de sons e imagens capaz de inserir conteúdo local ou distribuir programação de uma rede. Também chamada de emissora de TV.

RTV - Retransmissora de televisão capaz de redistribuir sinais de geradoras ou captados por satélite. Em geral, não insere programação local.

FM - Serviço de radiodifusão sonora em freqüência modulada.

OM - Serviço de radiodifusão sonora em ondas médias. Também conhecido como AM.

OC - Serviço de radiodifusão sonora em ondas curtas.

OT - Serviço de radiodifusão sonora em ondas tropicais.

Radcom - Serviço de radiodifusão comunitária. Suas emissoras também são conhecidas como rádios de baixa potência.

TVA - Serviço Especial de Televisão por Assinatura. Transmite programação não codificada até a definição de nova política para a regência desta modalidade de serviço.

Critérios sobre veículos incorporados

O Brasil possui um número muito maior de veículos do que é apresentado aqui. O Projeto “Donos da Mídia” opta por identificar e analisar somente aqueles cujos conteúdos são distribuídos ao público diária ou semanalmente de forma massiva por pessoas jurídicas constituídas.

Critérios sobre RTVs

O Projeto Donos da Mídia não ratifica os dados referentes à vinculação das retransmissoras de televisão com as redes nacionais uma vez que o Estado brasileiro não possui uma base de dados confiável sobre este serviço. Em diversos momentos, a afiliação declarada pela própria rede não bate com a informação oficial disponível. Onde isso foi identificado, a equipe de pesquisa realizou a atualização. Mesmo assim, optou-se pela divulgação dos dados até para que os próprios internautas possam contribuir com esta atualização. Assim que os sistemas interativos oficiais promoverem a equalização das informações, a base do projeto as incorporará.

Critérios sobre nomes

O Projeto Donos da Mídia utiliza os dados fornecidos pelo Sistema de Acompanhamento de Controle Societário (Siacco/Anatel) para a lista de sócios e dirigentes de emissoras de rádio e televisão divulgada neste site. Esta base de dados não fornece os CPFs dos mesmos. Sendo assim, podem haver homônimos. Quando não existir coincidência do nome procurado com o município de origem, por exemplo, aconselha-se uma checagem da informação em outra fonte. O Siacco também não é atualizado com freqüência. Logo, podem haver alterações nas participações societárias não inseridas no sistema.

Critérios sobre políticos

A propriedade de veículos de comunicação por parte de políticos com mandato pode ser maior que a apresentada pelo Projeto Donos da Mídia. Optou-se por LISTAR aqui somente o controle direto ou a participação societária exercida por essas pessoas. Veículos exclusivamente em nome de familiares ou outros sócios não foram registrados. Da mesma forma, não foram computadas as propriedades de vereadores.

Critérios sobre Jornais

O Projeto Donos da Mídia mantém em sua base apenas jornais com circulação diária ou semanal. Por falta de informação de acesso público, não foi possível incluir o nome dos sócios de empresas editoras de revistas e jornais.